terça-feira, 8 de dezembro de 2009

Vai que o samba acabou
que seu vinil arranhado
me avisou
Vai que o medo me torna
ilhada
nesse arquipelogo em mim
Leva teu livro tão meu
e não esqueça meus álbuns
tão seus
Vai
o samba recomeçou.

Um comentário:

Iara na Janela disse...

O samba recomeçou e cá estou em busca de seus belos poemas!

Que bom que voltou, lindona!

Beijos...